Eu e mais da metade da população mundial, aguarda a estréia de Star Wars - O Despertar da Força. Já não bastasse a ansiedade, várias lojas e marcas famosas estão apostando em produtos da saga e deixando seu fãs loucos e pobres.

Quem embarca na onda mais uma vez e pra valer, é a rede de lojas Riachuelo. A coleção está MUITO mais completa! Principalmente em itens de decoração. Tem itens de cama, banho, vestuário adulto e infantil, cuecas e pijamas.

Almofadas:








Jogos de cama:




Vestuário feminino:



Vestuário masculino:




Cuecas e pijamas:


Carpetes:




Toalhas:





Agradeço a Riachuelo por me deixar pobre e também quero dizer que essa coleção está incrível!!

Bom, gostaria de terminar avisando a todos que já estou aceitando presentes de Natal e que qualquer uma dessas almofadas ou jogos de cama me fariam muito feliz e as tolhas e blusas também! hahaha



Oi pessoas lindas! Hoje vamos dar início a primeira postagem para a tag "vida de suporte". Criei essa categoria para ajudar todas as meninas que precisam fazer pequenas trabalhos de hardware e software em seus computadores mas não sabem nem por onde começar (já passei por isso e sei o quanto é chato).

Aproveitando o pedido de uma amiga, vamos falar sobre backup. Quem já perdeu informações salvas no PC sabe da importância do backup. Faze-lo regulamente é uma forma de manter os arquivos da cópia de segurança sempre atualizados com o que há no HD. O backup pode ser feito em arquivos salvos no computador, no celular e no tablet, mas o ideal é armazenar cópias em dispositivos diferentes para garantir que não sejam perdidas em caso de roubo, por exemplo. Hoje vou ensinar como fazer backup através do Windows 7.

Criando o disco virtual (VHD)

Primeiro, vamos montar a unidade que será utilizada para armazenar os arquivos. Para isso, comece clicando com o botão direito do mouse sobre o ícone do “Computador” na Área de trabalho e escolha a opção “Gerenciar”. O mesmo pode ser feito a partir do atalho “Computador” no “Menu Iniciar”.


Em seguida selecione a opção "Gerenciamento de disco". Então, acesse o menu "Ação" e escolha "Criar VHD".


Uma nova janela é aberta e nela você deve definir as propriedades de seu novo disco virtual. Primeiro, em “Local” digite o caminho para a unidade (ou utilize o botão “Procurar” para localizar). Em seguida, no campo “Tamanho”, digite o valor que você deseja e selecione uma medida (MB, GB ou TB) na caixa de seleção ao lado. Por último, defina as configurações de tamanho.

A opção “Expandido dinamicamente” faz com que o disco aumente seu tamanho fixo máximo à medida que novos arquivos são armazenados. Ele não é compactado posteriormente, mesmo que os documentos sejam retirados. “Tamanho fixo” utiliza como tamanho máximo o valor fornecido pelo usuário e é a opção mais recomendada para utilização.



Após definidas estas configurações, aguarde alguns instantes para que o Windows crie seu novo disco. O tempo tomado por esse processo varia conforme o tamanho da unidade montada. Quando o disco virtual (VHD) já estiver disponível na janela do Gerenciamento de disco, clique sobre ela com o botão direito do mouse e selecione a opção “Inicializar disco”.



Uma nova janela é aberta e nela você deve selecionar a unidade (no caso o disco criado) e definir o estilo de partição adotado pelo Windows. Há duas opções “MBR” e “GPT”. O estilo recomendado é o “MBR”, pois o “GPT” além de não ser reconhecido por algumas versões anteriores do Windows, costuma ser utilizado para partições grandes (maiores do que 2 TB) ou computadores baseados em Itanium.


Depois de tudo definido, clique com o botão direito do mouse na área logo ao lado de seu disco (deve estar com uma cor diferente, como mostraremos na imagem abaixo) e selecione a opção “Novo volume simples”.


Feito isso, um assistente é inicializado para auxiliá-lo no processo de configuração de seu novo disco. A primeira etapa solicita que você escolha um tamanho para a partição (que deve ser digitado no campo “Tamanho do volume simples em MB”). Ele deve estar entre o valor máximo e mínimo exibidos na tela, podendo ser igual ao maior.


Na segunda etapa, você deve efetuar a formatação da unidade. Para isso, selecione “Formatar este volume com as seguintes configurações” e em seguida defina o Sistema de arquivos utilizado (recomendado NTFS). O tamanho da unidade de alocação deve ser deixado como “Padrão” e, no campo “Rótulo do volume”, digite o nome para seu disco virtual. Por fim, selecione o campo “Executar uma formatação rápida”.


Por último o assistente informa que sua nova partição está pronta para o uso.


Ao acessar novamente a pasta “Computador”, é possível observar sua nova unidade.


Para efetuar o backup, você tem duas opções. Uma delas é simplesmente arrastar os arquivos desejados para a nova unidade ou efetuar o backup com a ferramenta disponibilizada pelo Windows (eu sempre faço por ela, dá menos trabalho).


Efetuando o Backup com a ferramenta do Windows

Para isso, digite “Backup e Restauração” na barra de execução do Windows, e selecione a opção correspondente à ferramenta.



Em seguida, na nova janela aberta clique em “Configurar backup”.


Uma nova janela é aberta e nela você deve escolher o local no qual seu backup será criado. Entre a lista de opções, localize seu novo disco e selecione-o. Em seguida, você precisa escolher os arquivos para backup. Há duas possibilidades: “deixar o Windows escolher” ou “deixar que eu escolha”.


Na primeira delas, o sistema operacional efetuará o backup de arquivos salvos em bibliotecas, no desktop e em pastas padrão do Windows, além de criar uma imagem que pode ser utilizada para restaurar o computador caso seja necessário. Na segunda, uma nova tela é aberta para que você decida o que deve fazer parte da cópia de segurança (recomendada se você quiser proteger apenas alguns poucos arquivos ou pastas).


Então, uma nova janela é aberta para que você escolha o que integrará seu backup.



Em seguida, uma janela é exibida para que você possa conferir o que foi escolhido e fazer alterações caso seja necessário. Se você quiser configurar o intervalo de tempo e horário no qual os backups serão efetuados (criar um agendamento), clique em “Alterar agendamento”. Uma nova janela permite que você defina a frequência, dia e horário para que o Windows efetue backups automaticamente.


Quando tudo estiver conforme desejado, basta confirmar para voltar à tela anterior. Então, clique em “Salvar configurações e executar backup”. Feito isso, o programa inicia o primeiro backup do sistema. O andamento da operação pode ser acompanhado em tempo real por meio da barra de progresso exibida.


O processo em si costuma tomar um tempo considerável, porém o primeiro é particularmente mais longo. Isso porque os próximos são incrementais, ou seja, somente é copiado o que tiver sido alterado em seu computador - dentro do que está definido para receber cópia de segurança.


Ao final, você observa que seus arquivos estão devidamente copiados VHD, conforme solicitado. Se você precisar restaurá-los, pode simplesmente “arrastar” os documentos para fora da unidade virtual ou dar um duplo clique do mouse sobre o arquivo de backup e escolher a opção de restauração adequada.


Mas será que não existe um jeito mais simples? Sempre tem! Você pode fazer backup em mídias removíveis como pendrive, DVD's ou HD externo. Você pode também utilizar os arquivos nas nuvens, Google Drive, Dropbox e SkyDrive. Já os usuários do Mac podem usar também o iCloud - que também possui um plano grátis - para manter uma cópia de segurança de seus dados. Todos permite acessar os dados online, sem precisar de mídia física.


Tentei fazer o mais detalhado possível. Espero que tenha deixado bem claro. Caso não, comente suas dúvidas que eu responderei todas! Próxima postagem, falarei sobre os benefícios do Google Drive nos dias atuais. 

Espero que tenha ajudado. Até mais!


Quem é da terrinha e não tem nenhum compromisso marcado, que tal marcar na sua agenda? Nos próximos dias 28 e 29 de novembro, a partir das 17h, o público de Fortaleza poderá participar do 1° Encontro de Vloggers do RioMar Fortaleza. Durante dois dias, nomes famosos do mundo digital se apresentarão abordando os mais diversos assuntos, como moda, humor, relacionamento e atualidade. Entre os vloggers que participarão estão cearenses famosos e outros nacionais:

Mineira de Juiz de Fora e carioca de coração, sempre esteve rodeada de amigas, e era a conselheira que todas queriam, até que essa função se estendeu pela internet e se tornou o que é hoje. Criou seu twitter no início de 2011 com a descrição “não se apega não” e essa frase a acompanha desde então. Sempre postando frases de amor próprio, desapego, valorização, orgulho; formou uma legião de seguidoras fiéis e audiência constante. Em outubro de 2011, criou o blog isabelafreitas.com.br, que hoje conta com 2 milhões de visitas por mês. É também autora do best-seller “Não se apega não!”, com mais de 400 mil exemplares vendidos.

É uma das blogueiras cearenses de moda mais famosas do estado com cerca de 156 mil seguidores no Instagram @edithgomes. Conta também com mais de 5 mil assinantes no blog “Tudo com Moda”. Foi uma das primeiras cearenses a começar o trabalho no universo digital e que ganhou mais visibilidade localmente.

Criou seu canal Xafurdaria em 2012 onde ele produz vídeos, nos quais comenta com muito bom humor diversas situações do dia-a-dia, sempre com um tom marcante do humor nordestino. Xafurdaria é um dos maiores canais do Norte/Nordeste do país com mais de 1,6 milhões de inscritos e mais de 113 milhões de visualizações. Kaio vem cada vez mais ganhando público e arrastando centenas de fãs por onde passa. Kaio também faz apresentações no Teatro, que arrasta multidões por onde passa. A Xafurdaria é uma febre entre os jovens de 10 a 18 anos. 

É hoje um dos maiores vloggers do Brasil. Encontra-se entre os top 10 dos canais com mais inscritos no YouTube Brasileiro, contendo mais 3,8 milhões de inscrições em seu canal Desce a Letra. Foi quando praticava o esporte Parkour que começou a fazer seus primeiros vídeos para a internet, filmando, editando e postando os vídeos da modalidade no YouTube. Quando estava cursando RTV, Cauê apresentou um trabalho onde então editou alguns minutos de uma conversa que ele teve com a câmera. O trabalho foi super bem aceito, foi ai que ele pensou em postar os vídeos na internet. Em março de 2010 ele criou o canal Desce a Letra no YouTube, abordando assuntos com bastante profundidade e irreverência. O canal Desce a Letra conseguiu considerável destaque após a publicação do videoclipe EU SOU 1337, que acabou encorajando Cauê a produzir mais videoclipes. 


Eu estarei lá e, claro, vou registrar tudo pra vocês e ainda autografar meu livro da Isabela \o/

Beijos 


Mais uma segunda-feira chegando, o ano acabando... Você tenta se animar porque vem as festas, os feriados, final de semestre ou aquela formatura tão esperada. Que tal uma playlist especial de segunda? Principalmente se você não gostar muito dela...








Beijos!



Você sabe que é amado(a) porque lhe disseram isso?

A demonstração de amor requer mais do que beijos, sexo e palavras.

Sentir-se amado é sentir que a pessoa tem interesse real na sua vida, que zela pela sua felicidade, que se preocupa quando as coisas não estão dando certo, que se coloca a postos para ouvir suas dúvidas e que dá uma sacudida em você quando for preciso.

Ser amado é ver que ele(a) lembra de coisas que você contou dois anos atrás, é ver como ele(a) fica triste quando você está triste e como sorri com delicadeza quando diz que você está fazendo uma tempestade em copo d'água. 

Sente-se amado aquele que não vê transformada a mágoa em munição na hora da discussão.

Sente-se amado aquele que se sente aceito, que se sente inteiro. Aquele que sabe que tudo pode ser dito e compreendido. 

Sente-se amado quem se sente seguro para ser exatamente como é, sem inventar um personagem para a relação, pois personagem nenhum se sustenta muito tempo.

Sente-se amado quem não ofega, mas suspira; Quem não levanta a voz, mas fala; Quem não concorda, mas escuta. 

Agora, sente-se e escute: Eu te amo não diz tudo!

Marta Medeiros


Olá meus amores! Cá estou eu de volta! Espero que tenham gostado no novo layout do blog, sei que está bem simples mas espero que esteja aconchegante de passar por aqui. E para recomeçar, trago hoje umas dicas de decoração com papel adesivo. Hoje ele está sendo o queridinho na hora de renovar os ambientes.


1. Pode ser clichê na hora de transformar as cozinhas, mas vai dizer que a escolha do papel adesivo pink brilhante não foi certeira para revestir os armários? E os adesivos estão em alta também para revestir eletrodomésticos, como geladeira, fogão etc. Dá pra economizar e renovar toda a cozinha!


2. Uma lousa incrível, com desenho de menu na porta da geladeira? Pode sim! É só recortar em papel adesivo preto fosco e escrever com caneta de efeito giz. Essa é a minha predileta!


3. Quer privacidade, mas está sem grana para o vidro jateado ou cortinas? Simples, recorte formas no papel adesivo transparente com efeito fosco e monte padrões nas janelas e portas. O modelo usado na foto, você consegue baixar aqui.


4. Retalhos estampados de papel adesivo foram cortados no formato de andorinhas para deixar a parede mais colorida e lúdica. Rápido, fácil e lindo!


5. Discos antigos de vinil foram revestidos com papel adesivo e depois presos com argolinhas para formar uma divisória de ambientes. Uma cortina diferente e barata!


6. Uma ótima ideia é cobrir parte da mesa com papel adesivo fosco e expor os comes & bebes. Escreva nomes e demarque lugares específicos com giz, para ficar mais divertido. Nesta degustação e harmonização de vinhos, o anfitrião ainda deixou bem didático e escreveu as combinações certinhas.


7. A vela branca e sem graça virou peça de decoração com o passarinho recortado em papel adesivo que imita estampa de madeira.


8. Gente, olha que amor Para dar certo, este projeto precisa de bastante capricho, um cortador para as bolinhas e bastante destreza para separar as listras (se não tiver, se joga na washi tape, que já tem o tamanho certinho).


9. Papel adesivo dourado e cortador em formato de círculo para decorar o teto? Ótima ideia!


10. Molduras cortadas em papel adesivo com estampa de madeira não precisam de quadro nenhum, só da parede! Ou pode inovar e colocar as fotos que sejam presas pelo próprio papel.


Espero que tenham gostado dessas dicas, amores. Obrigada por sempre visitar o Café com flores, vocês fazem com que esse projeto simples continue!

Bjos *.*